CEOP GIF BRUNO

Z NOVO3

MARCELO PODE SAIR NOVAMENTE E VOLTAR DEFINITIVO

IMG 3755U“O TSE já intimou as partes envolvidas para se manifestarem nos embargos. Devido a relevância do processo, ele pode ser julgado já no dia 12 ou 17 de abril; sendo afastado novamente, Marcelo Miranda sairá do cargo e Carlesse assume; diante deste fato, os advogados de Marcelo Miranda deverão ser ágeis apresentando um RE- Recurso Extraordinário perante o TSE e ingressarão no STF com cautelar para atribuir efeito suspensivo ao RE- Recurso Extraordinário, que por prevenção, a cautelar deve ser distribuída novamente ao ministro Gilmar Mendes, que poderá deferir ou não o efeito suspensivo ao RE –Recurso Extraordinário até seu final julgamento, que pelo histórico do STF, poderá ocorrer em data sem previsão. Mas os especialistas ressaltam que o deferimento é exceção e somente tem ocorrido em casos extremos, sendo a liminar levada ao referendo do pleno do STF”, afirmam.Foto: Luiz Barbosa Aguiar/diariodotocantins.com.

FISIOLOGISMO INCOMPLETO PARA MUITOS

O “amanhã” do cenário político do Tocantins ficou instável e prejudicou o último dia da “janela partidária”, instrumento este que legaliza o fisiologismo da política brasileira. Dezenas de lideranças, entre elas “ex” prefeitos, vereadores, deputados e atuais prefeitos e deputados mudaram de partidos políticos, promovendo “arranjos” para se beneficiarem nas próximas eleições, prefeitos renunciaram, a exemplo do prefeito da capital de Palmas, Amastha, que vai concorrer a vaga de Governador e do munícipio de Rio Sono, Dr. Rui, que vai disputar uma vaga na Assembleia Legislativa.Kátia Abreu também mudou de partido para concorrer uma vaga no Governo.

BALCÃO DE NEGÓCIOS

Para muitos, foi uma oportunidade, mas, para um pequeno grupo de elite, o “momento” crítico de instabilidade está servindo de “balcão de negócio” para seus “arranjos políticos”, visando se manter no poder e até mesmo alcançar voos mais alto nas próximas eleições.

PODE OCORRER 4 ELEIÇÕES NO TOCANTINS EM 2018

Estamos em um período atípico da política e da República do Brasil. O Estado mais novo da Federação poderá ter quatro eleições a governador e uma para preencher duas vagas para a renovação do Senado, 8 vagas para Deputado Federal e 24 vagas para Deputado estadual.

MARCELO PODE SAIR EM MENOS DE UM MÊS, ENTREGAR PARA CARLESSE E VOLTAR NOVAMENTE

Devido os últimos atos dos tribunais em Brasília, Marcelo Miranda assume o Governo novamente e Carlesse volta para Assembléia Legislativa, tudo isso pode ocorrer em dias.

Há outra vertente, que Marcelo Miranda mesmo se afastado novamente como é o previsto, pode retornar logo em seguida, em questão de dias.

Hipoteticamente, a justiça abre muitos canais de interpretações. E, para juristas que defendem o grupo que segue Carlesse, é questão de tempo sua volta, já os juristas que estão com Marcelo Miranda afirmam essa condição via TSE, mas ,ao mesmo tempo, alertam que Marcelo Miranda tem chances de permanecer no cargo até o final do Governo e até mesmo ser reeleito.

“O TSE já intimou as partes envolvidas para se manifestarem nos embargos. Devido a relevância do processo, ele pode ser julgado já no dia 12 ou 17 de abril; sendo afastado novamente, Marcelo Miranda sairá do cargo e Carlesse assume; diante deste fato, os advogados de Marcelo Miranda deverão ser ágeis apresentando um RE- Recurso Extraordinário perante o TSE e ingressarão no STF com cautelar para atribuir efeito suspensivo ao RE- Recurso Extraordinário, que por prevenção, a cautelar deve ser distribuída novamente ao ministro Gilmar Mendes, que poderá deferir ou não o efeito suspensivo ao RE –Recurso Extraordinário até seu final julgamento, que pelo histórico do STF, poderá ocorrer em data sem previsão. Mas os especialistas ressaltam que o deferimento é exceção e somente tem ocorrido em casos extremos, sendo a liminar levada ao referendo do pleno do STF”, afirmam

TOCANTINS PREJUDICADO E PUNIDO

Enquanto isso, o Tocantins está sendo prejudicado e seu povo punido desde o primeiro afastamento dia, e o planejamento das eleições suplementares fica uma incógnita o cumprimento de seu calendário, conforme a Constituição Federal, que serve como base para o “rito” eleitoral determinado pelo TRE- Tribunal Regional Eleitoral.

GILMAR PODE DEVOLVER O MANDATO DE MARCELO MIRANDA

O interessante de todo esse embate que veremos nos próximos dias, é que o Ministro Gilmar Mendes poderá devolver definitivamente o mandato de Marcelo Miranda de forma monocrática, para, posteriormente, ser colocado em pauta pela ministra Carmem Lúcia e apreciado em plenário pelos Ministros do STF, ressaltando que os Ministros do TSE que já votaram, não poderão votar novamente neste caso.


O Diário do Tocantins apoia a liberdade de opinião, mas é contra o uso de termos ofensivos. Os comentários listados abaixo estão sob responsabilidade de seus respectivos autores.

Negociação de Dividas Energisa 240x240 2

Web Banner 240x240px Cidade Encantada Energisa PP

ferpam 240x82

durax 240x72

pub diario folha da cidade 270 340

Todos os direitos reservados - Cidade Comunicação LTDA. Contato: falecom @ diariodotocantins.com.br.