CEOP GIF BRUNO

Z NOVO3

SDDFG.jpg

Todos os anos, o período de estiagem na região sudeste do Estado muda não apenas a paisagem no campo, mas a rotina das pessoas. Em Silvanópolis, por exemplo, a 150 km de Palmas, dezenas de rios que sempre tiveram água para garantir o sustento das famílias e dos animais, secaram totalmente em 2015 e o tráfego de caminhões-pipa transformou-se em cena comum na zona rural, levando o precioso líquido para encher as cisternas instaladas pela Agência Tocantinense de Saneamento (ATS).

Três caminhões contratados pela ATS, por meio da Operação Caminhão-pipa, servem a quatro assentamentos no município, com mais de 70 famílias. A água chega pelo menos três vezes por semana, garantindo que as cisternas do Programa Água Para Todos, fiquem constantemente cheias. Segundo o secretário de Agricultura de Silvanópolis, Pedro Siqueira, que ajuda a coordenar o abastecimento, a ação dos motoristas não para, e eles chegam a trabalhar aos fins de semana para garantir o bem-estar dos agricultores.

Para Pedro Siqueira, a Operação Caminhão-pipa é de grande importância pela necessidade que o clima trouxe para a região. “Há 20 anos, isso não era visto. Não havia necessidade de servir os proprietários rurais, mas atualmente a ATS viu a necessidade, porque se não estivesse sendo feita essa distribuição, com certeza seríamos como nos estados do Piauí e Ceará. Hoje, digo que vai ser necessário ampliar o programa. A tendência é que, ano a ano, aumente o número de caminhões para servir o nosso município”, disse.

Cuidados e prevenção

Pedro Siqueira destaca outro ponto, onde todos podem colaborar para que a situação não fique ainda pior: a prevenção e o cuidado com as matas e mananciais. “Acabaram com as nossas matas. Tem que ter produção sim, mas tem que respeitar o meio ambiente. Isso não está sendo feito, infelizmente”, alertou.

Em cada viagem, os três caminhões transportam juntos 40 mil litros d´água. Um deles, com capacidade de 20 mil litros, capta o produto em um armazém de grãos, a cerca de 5 km da cidade. Segundo Pedro Siqueira, só da localidade já foram retirados mais de 600 mil litros, sendo que parte foi destinada para moradores da zona urbana. A empresa Calfibra, dona do reservatório, tem cedido água sem cobrar da prefeitura, nem da ATS.

Benefícios

Um dos beneficiados é o agricultor Belmiro Ferreira Rodrigues, líder de um grupo de dez famílias, que conta com seis cisternas. Quem ainda não tem o equipamento, aguarda a instalação para breve. Belmiro conta que buscavam água em um riacho, longe de casa, usando-a para beber e fazer alguns serviços domésticos. “Como todo o pasto é cercado, não dava para levar o gado. Era muito sofrido. Mas agora está bom demais. Basta ligar a bomba que a água cai no curral, onde o gado bebe”, relatou.

A água servida é de qualidade, permitindo que os agricultores a utilizem para as mais diversas atividades. “Vida nova aqui, bom demais”, afirmou Belmiro, que confessou ter passado medo diante do período de estiagem em Silvanópolis, sem cisterna e sem caminhão-pipa. “É ruim demais. E ainda há lugares onde as pessoas ficam cinco dias sem passar água no corpo”, contou.

Operação

A Operação Caminhão-pipa, iniciativa do Governo do Tocantins, por meio da ATS, foi iniciada em 3 de agosto, com 60 caminhões. Para cada um dos municípios do sudeste que decretou Situação de Emergência, conforme a necessidade, uma quantidade de caminhões é enviada.

O trabalho atende, prioritariamente, à zona rural, entretanto, segundo o presidente da ATS, Eder Fernandes, “como a situação da seca tem se agravado, há casos em que até mesmo algumas cidades têm sido atendidas pelos caminhões. Diante da situação, não há como não levar água para o povo. Enquanto puder, nós vamos atender aos casos que surgirem”, concluiu.

 

ASCOM


O Diário do Tocantins apoia a liberdade de opinião, mas é contra o uso de termos ofensivos. Os comentários listados abaixo estão sob responsabilidade de seus respectivos autores.

durax 240x72

OUTUBRO 6

ferpam 240x82

ENERGISA BANNER SETEMBRO

pub diario folha da cidade 270 340

PROMOVA SEU NEGÓCIO

Todos os direitos reservados - Cidade Comunicação LTDA. Contato: falecom @ diariodotocantins.com.br.