CEOP GIF BRUNO

Z NOVO3

1VITÓRIA DO XINGU. JAIME SOUZZA1

Apesar da falta de esgoto nas principais cidades afetadas pela Usina Hidroelétrica de Belo Monte,o desenvolvimento tem gerado renda np estado do Pará.

Vitória do Xingu, no Pará, lidera a arrecadação de tributos gerados pela construção da Usina Hidrelétrica Belo Monte. Localizada na Área de Influencia Direta do empreendimento, a cidade já recebeu R$ 438,8 milhões de impostos sobre serviços desde o início da obra, em 2011, até abril deste ano. Somados às obrigações fiscais, a Norte Energia também investiu em desenvolvimento e a transformação socioambiental do município com obras e ações do Projeto Básico Ambiental (PBA) da obra.

Com o PBA de Belo Monte, Vitória do Xingu recebeu um moderno Sistema de Abastecimento de Água; Sistema de Esgotamento Sanitário; drenagem e pavimentação e um aterro sanitário com capacidade para armazenar 118.701 m³ de resíduos sólidos e vida útil de cerca de 20 anos. Na área de saúde, foram construídas e equipadas 6 Unidades Básicas de Saúde e em breve os moradores ganharão um novo hospital de média complexidade com 34 leitos. Em educação, foram construídas e reformadas 19 escolas de ensino fundamental e médio, ampliando o número de vagas na região.

Além das ações do Projeto, a Norte Energia contribuiu para a segurança pública no município por meio de convênio com o governo do Estado. A Vitória do Xingu foram entregues veículos para a polícia Civil e Militar e o prédio da Unidade Integrada Pro Paz (UIPP), espaço que integra no mesmo local uma série de serviços de segurança, cidadania e mediação de conflitos. Os investimentos seguem ainda com a construção do maior Complexo Penitenciário do Estado, que está com 80% das obras civis concluídas, e vai criar 612 novas vagas para o sistema carcerário na região.

Os investimentos da Norte Energia também beneficiam o empreendedorismo e a atividade pesqueira de Vitória do Xingu com a construção da sede da Colônia de Pescadores e da implantação de cursos de capacitação e qualificação para os moradores do município. Para os cinco municípios da Área de Influência Direta de Belo Monte, a empresa já investiu mais de R$ 4,2 bilhões em ações e serviços.

Do total de impostos recolhidos pela Norte energia, mais de R$ 149 milhões foram em impostos estaduais. O governo do Pará recebeu exatos R$ 148.633.170,22 só de ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços). O restante foi para o Distrito Federal. A União recebeu R$ 172,1 milhões, em várias contribuições e tributos como Imposto de Renda, PIS, COFINS, etc..

As informações são da Norte Energia S.A

O Xingu.com


O Diário do Tocantins apoia a liberdade de opinião, mas é contra o uso de termos ofensivos. Os comentários listados abaixo estão sob responsabilidade de seus respectivos autores.

durax 240x72

assembrleia 240

ferpam 240x82

ENERGISA BANNER SETEMBRO

pub diario folha da cidade 270 340

PROMOVA SEU NEGÓCIO

Todos os direitos reservados - Cidade Comunicação LTDA. Contato: falecom @ diariodotocantins.com.br.