CEOP GIF BRUNO

Z NOVO3

PALMAS CHIVO CESAR


A atração nacional que abrilhantará a final da 2ª Mostra Premiada de Música é o cantor e compositor paraibano Chico César. O show acontece no próximo domingo, 31, na Grande Praça do Espaço Cultural José Gomes Sobrinho, após o resultado final da competição.

A fase eliminatória da Mostra acontecerá nesta sexta-feira, 29, e sábado, 30, no Theatro Fernanda Montenegro. Para esses dois dias, serão distribuídos ingressos com uma hora de antecedência na portaria no Theatro. A entrada só será permitida com a apresentação do ingresso.

Sobre o cantor

Chico César lançou seu primeiro CD, de nome "Aos Vivos" (Velas), com participações de Lenine e o lendário Lany Gordin. Em 1996 veio o sucesso nacional e internacional através do segundo álbum, "Cuscuz Clã" (MZA/PolyGram), produzido por Marco Mazzola.

No terceiro CD, "Beleza Mano", mergulhou na cultura negra com participações do zairense Lokua Kanza, coral negro da Família Alcântara, os rappers Thaíde e DJ Hum, Paulo Moura, entre outros. "Mama Mundi", de 2000, mostra sua qualidade de intérprete num trabalho repleto de canções e referências ao som que se faz tanto no interior do Brasil como em diversas partes do mundo.

O seu quinto CD, intitulado "Respeitem Meus Cabelos, Brancos" (2002), que ele define como um trabalho nômade, registrou participações especialíssimas de Nina Miranda e Chris Franck, integrantes da banda Smoke City, de Naná Vasconcelos, Carlinhos Brown, Metalúrgica Filipéia e do Quinteto Brassil. O disco teve produção assinada pelo inglês Will Mowat.

“De uns tempos pra cá”, de 2005, o sexto CD de sua carreira, lançou canções autorais compostas por Chico desde a década de 80, contado com a participação do Quinteto da Paraíba: dois violinos (Yerko Tabilo e Ronedilk Dantas), uma viola (Samuel Spinoza), um violoncelo (Raiff Dantas) e um baixo acústico (Xisto Medeiros). Um ano depois o DVD, “Cantos e Encontros de uns tempos pra cá”, gravado durante show no Auditório do Ibirapuera.

Em 2008 lançou “Francisco Forró y Frevo”, um mergulho do artista no espírito das duas principais festas populares nordestinas (o Carnaval e os festejos juninos), para criar um disco alegre em que o foco se encontra na força dos ritmos que animam essas festas: o frevo e o forró. E ainda no diálogo que esses ritmos têm naturalmente com “beats” universais.

Redação FCP


O Diário do Tocantins apoia a liberdade de opinião, mas é contra o uso de termos ofensivos. Os comentários listados abaixo estão sob responsabilidade de seus respectivos autores.

Web Banner Super Liga da Energia 240x240px Energisa

Mídias Sites 240x240

ferpam 240x82

diario do tocantins OBRAS PELA CIDADE 240x570 1

durax 240x72

pub diario folha da cidade 270 340

Todos os direitos reservados - Cidade Comunicação LTDA. Contato: falecom @ diariodotocantins.com.br.