CEOP GIF BRUNO

Z NOVO3

Valério Zelaya

27c92fe6dcc9dd0a070a3600b0b87404

Há dez anos a família de Marleide Borges tem uma tradição: esperar ansiosamente pelo mês de junho. O motivo não é apenas pela diversão, beleza das quadrilhas juninas ou sabor das comidas típicas. A razão da ansiedade é que, com o Arraiá da Capital, promovido pela Prefeitura de Palmas, a família Borges tem a possibilidade de aumentar a renda, através de uma barraca de alimentação montada durante os quatro dias do evento.

A 23ª edição do Arraiá da Capital será realizada entre os dias 18 a 21 de junho no Ginásio Ayrton Senna, em Taquaralto. Este ano, o Arraiá vai contar com 20 barracas de alimentação, dois pontos de sorveteiro e 10 pontos de pipoqueiro.

Segundo Marleide Borges, o evento tem sido aprimorado a cada ano, o que só fortalece seu desejo de continuar participando. “Percebi que nos últimos dois anos, a estrutura tem melhorado bastante, está mais organizado, isso melhora o aspecto do evento como todo e estimula ainda mais a gente”, avaliou.

Marleide é natural de Goiânia, mas mora há 12 anos em Palmas. Ela contou que sempre trabalhou com comercialização de alimento, especificamente de caldos. Por isso, assim que chegou a Palmas, buscou logo montar uma barraca na Feira da 304 Sul, no intuito de conquistar renda fixa para a família. “Foi aí que ganhamos ainda mais experiência e decidimos participar de grandes eventos, como o Arraiá. E foi ótimo porque temos retorno de, em média, 30% do investimento, o que equivale a quase R$ 4 mil. Nesse ano, esperamos alcançar um valor ainda maior”, planeja a comerciante.

Para Marleide, o evento é uma forma de a Prefeitura contribuir diretamente com a renda de várias famílias. Além disso, o serviço oferecido por ela e demais comerciantes durante eventos como o Arraiá proporciona uma “via de mão dupla” entre cidadão e poder público. “Vejo que as duas partes saem ganhando. Precisamos que a Prefeitura monte a estrutura da melhor forma possível e nós retribuímos oferecendo um bom atendimento ao público, consolidando o evento. É uma parceria”, pontuou a comerciante.

Outro exemplo de como o Arraiá contribui para o crescimento da economia local é a barraquinha de produtos especializados em milho do comerciante João de Paula. Há cinco anos participando do Arraiá, ele comemora a possibilidade de ter um ponto extra para comercializar seus produtos. “Já tem uns dez anos que vendo pamonha e outros produtos de milho. Depois que comecei a vender também no Arraiá, meu negócio cresceu bastante e tenho como juntar dinheiro mais rápido”, disse o comerciante.

Além da renda extra, João de Paula conseguiu com o Arraiá mais prestígio para seu comércio, pois ele já foi premiado como a “melhor barraca”, em 2013. “No ano passado, ficamos em segundo lugar. Agora, queremos ser novamente o primeiro, e vamos melhorar ao máximo nossos produtos para ganhar”, frisou.

O diretor de Articulação e Difusão Cultural, da Fundação Cultural de Palmas (FCP), Cícero Belém, explica como é feita a seleção das barracas de alimentação para o Arraiá da Capital. “Para ser aprovado, o comerciante é avaliado em alguns pré-requisitos, como experiência e variedade de cardápio”, explica o diretor.

Organização e premiação

O Arraiá da Capital contará com apresentação de músicos locais e nacionais, como a Família Braga, no dia 18, e Elba Ramalho, dia 19. O investimento destinado para a edição 2015 é de R$ 700 mil, que será distribuído entre as 20 quadrilhas que vão participar da competição.

Além da escolha da melhor quadrilha, o evento promove outro concurso. Através de uma comissão formada por funcionários da Abrasel (Associação Brasileira de Bares e Restaurantes), é escolhida a melhor barraca. Segundo Cícero Belém, a comissão avalia, entre outros fatores, o cardápio, a criatividade e atendimento ao público. “No último dia do evento, também anunciamos a melhor barraca. O comerciante ganha um troféu e já tem garantida a vaga para participar novamente do Arraiá no ano seguinte”, disse Cícero Belém.

Andréia Rocha


O Diário do Tocantins apoia a liberdade de opinião, mas é contra o uso de termos ofensivos. Os comentários listados abaixo estão sob responsabilidade de seus respectivos autores.

Web Banner Super Liga da Energia 240x240px Energisa

Mídias Sites 240x240

ferpam 240x82

diario do tocantins OBRAS PELA CIDADE 240x570 1

durax 240x72

pub diario folha da cidade 270 340

Todos os direitos reservados - Cidade Comunicação LTDA. Contato: falecom @ diariodotocantins.com.br.