CEOP GIF BRUNO

Z NOVO3

Foto:Marcio Vieira

JNML.jpg

O governador Marcelo Miranda reuniu-se, na tarde de quarta-feira, 11, com o diretor-executivo do Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF), Victor Rico. Na oportunidade, solicitou a reavaliação do Programa de Desenvolvimento Sustentável do Tocantins (Prodetur), com verbas avaliadas em US$ 120 milhões, para atender a região do Jalapão especialmente por meio de obras de pavimentação asfáltica. O encontro foi na sede da CAF, em Brasília.

“Fizemos o nosso dever de casa, concluindo as demandas sugeridas pelo banco. Agora, viemos solicitar uma nova visita técnica, necessária para dar andamento ao financiamento iniciado, ainda na nossa gestão anterior, em 2008”, esclareceu Marcelo Miranda. “Nosso desejo é consumar este financiamento, que provocará grandes impactos na economia dos municípios de Novo Acordo, São Félix, Mateiros e Ponte Alta”, afirmou.

Durante a reunião, Victor Rico demonstrou total interesse na liberação do financiamento. “Em breve, enviaremos uma missão técnica ao Tocantins para avaliar o Programa. Temos todo interesse em efetivar as ações no Tocantins por meio do Prodetur”, assegurou.

“O resultado da missão será submetido a uma avaliação da diretoria do banco, que reavalia toda a documentação. Agora é uma questão de agenda entre a equipe da CAF e do Governo do Tocantins. É um projeto que a CAF tem bastante interesse. A gente espera poder avaliar e aprovar o Prodetur Tocantins em breve”, reforçou o executivo da CAF, Bruno Nadalutti, também presente na reunião.

Trechos beneficiados

Segundo o secretário de Estado da Infraestrutura, Sérgio Leão, os recursos – sendo US$ 72 milhões do Banco e US$ 48 milhões, da contrapartida do Estado – devem pavimentar cerca de 200 km de rodovias na região do Jalapão. A ideia é contemplar, pelo menos, três trechos: a TO-030, a TO-110 e a TO-247.

Durante a reunião, o governador esteve acompanhado dos secretários da Infraestrutura, Sérgio Leão; do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Sérgio do Vale; da Representação do Estado em Brasília, Renato Assunção e da Comunicação Social, Rogério Silva.

Outros Projetos

Ainda durante o encontro, os diretores ventilaram a possibilidade de o Banco financiar outros projetos a fundo perdido. “Isso pode ser viabilizado por meio de uma área de Cooperação Técnica da CAF, que trabalha com recursos não reembolsáveis”, disse ele, acrescentando: “a gente faz doações para estados, municípios ou para instituições privadas. São recursos pequenos, mas de relevância estratégica, servindo, por exemplo, para elaboração de projetos, atualização de Plano Diretor e Plano de Desenvolvimento do Estado. Isso vai ao encontro da missão da CAF, que é promover o desenvolvimento da região”.

Prodetur

O Programa de Desenvolvimento Sustentável do Estado do Tocantins é vinculado ao Ministério do Turismo (MTur), com a proposta de fortalecer a Política Nacional de Turismo alinhando os investimentos regionais, estaduais e municipais a um modelo de desenvolvimento turístico nacional.

 

ASCOM GOV/TO


O Diário do Tocantins apoia a liberdade de opinião, mas é contra o uso de termos ofensivos. Os comentários listados abaixo estão sob responsabilidade de seus respectivos autores.

ENERGISA OUTUBRO 240x240

Mídias Sites 240x240

ferpam 240x82

diario do tocantins OBRAS PELA CIDADE 240x570 1

durax 240x72

pub diario folha da cidade 270 340

Todos os direitos reservados - Cidade Comunicação LTDA. Contato: falecom @ diariodotocantins.com.br.