CEOP GIF BRUNO

Z NOVO3

fuzilamento brasileiro

Rodrigo Muxfeldt Gularte de 42 anos que foi preso após ter sido flagrado com seis quilos de cocaína foi executado no dia 29 de abril e será sepultado em Curitiba no cemitério Parque do Iguaçu após uma missa que será celebrada em sua memória às 11 horas da manhã do domingo, dia 3 de maio.
Apesar de inúmeros recursos patrocinado pelos advogado do brasileiro alegando ser doente , o governo da Indonésia não acatou  e ignorou os pedidos da não execução.

Rodrigo era portador de esquizofrenia, segundo a imprensa ele afirmava a sua única prima que lhe visitou antes da execução que se fosse enterrado no Brasil ele “ressuscitaria em dez dias”.

Rodrigo Muxfeldt Gularte foi condenado a morte em 2005 após um ano de sua prisão pelo porte da cocaína. Ele foi executado mas outros seis traficantes , entre eles, os australianos Myuran Sukumaran e Andrew Chan e o nigeriano Martin Anderson ,os nigerianos Jamiu Owolabi Abashin e Sylvester .

Ele também foi o segundo brasileiro a ser executado por tráfico de droga na Indonésia nesse ano de 2015. Em janeiro foi fuzilado Marco Archer.
Segundo relato da imprensa o brasileiro ultimamente demonstrava alto grau de esquizofrenia. Familiares e conhecidos relataram que Gularte passava seus dias na prisão conversando com paredes e ouvindo vozes. Dizem que ele se recusava a tirar um boné, que usava virado para trás, alegando ser sua proteção.


O Diário do Tocantins apoia a liberdade de opinião, mas é contra o uso de termos ofensivos. Os comentários listados abaixo estão sob responsabilidade de seus respectivos autores.

Mídias Sites 240x240

ferpam 240x82

diario do tocantins OBRAS PELA CIDADE 240x570 1

durax 240x72

pub diario folha da cidade 270 340

Todos os direitos reservados - Cidade Comunicação LTDA. Contato: falecom @ diariodotocantins.com.br.