CEOP GIF BRUNO

Z NOVO3

OOOaedes aegypt

O Governo faz de conta que combate omosquiro e a população não contribue com a falta de higiene e cidadania

O mosquito Aedes aegypti circula atualmente em pelo menos 113 países e está no Brasil há cerca de 30 anos e  o Brasil está diante de uma epidemia que chama a atenção do mundo, o avanço do vírus Zika no país está sem controle.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) já afirmou que pode nos próximos dias decretar situação de emergência em quase todo continente americano, forçando os governos realizarem um trabalho mais eficiente quanto a proliferização desse mosquito causador da Dengue, Chikungunya e do Zika um dos causadores da terrível Microcefalia.

O Ministério da Saúde disse que os servidores da pasta precisam dar o exemplo em primeiro lugar. "Não temos ainda a vacina, o remédio para combater o vírus. O que nos resta é o trabalho cotidiano e ininterrupto para destruir os criadouros do mosquito."

Para o Ministro da Saúde Marcelo Castro, acabar com os criadouros é uma tarefa difícil, mas não impossível. "O governo está fazendo a sua parte. Nunca houve na história deste país uma mobilização tão efetiva", disse. "São fundamentais e mais necessárias ainda a participação e a mobilização da sociedade".

Edição: Talita Cavalcante


O Diário do Tocantins apoia a liberdade de opinião, mas é contra o uso de termos ofensivos. Os comentários listados abaixo estão sob responsabilidade de seus respectivos autores.

Mídias Sites 240x240

ferpam 240x82

diario do tocantins OBRAS PELA CIDADE 240x570 1

durax 240x72

pub diario folha da cidade 270 340

Todos os direitos reservados - Cidade Comunicação LTDA. Contato: falecom @ diariodotocantins.com.br.