CEOP GIF BRUNO

Z NOVO3

dddd 449235781 838425933


Brasília – A urgente criminalização do caixa 2 de campanhas, bandeira da OAB, que defende a aprovação de projetos de lei que tramitam no Congresso Nacional estabelecendo inclusive penas de reclusão para quem cometer o crime, será defendida em ato público, na próxima quinta-feira (22), no Rio de Janeiro.

O ato é uma iniciativa integra a campanha 90 Dias Contra a Corrupção, promovida pela OAB Nacional juntamente com a OAB-RJ, a CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil), AMB (Associação dos Magistrados Brasileiros), MCCE (Movimento Contra a Corrupção Eleitoral), Instituto Ethos Associação Nacional dos Membros do Ministério Público (Conamp), Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR) e Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe).

O evento acontece a partir das 10h, no Plenário Evandro Lins e Silva, na sede da OAB-RJ (Av. Marechal Câmara, 150 – Castelo – Rio de Janeiro).

“Precisamos sensibilizar a população e os meios de comunicação e o Congresso Nacional da necessidade urgente da criminalização do caixa 2 de campanhas eleitorais. Esse é um passo primordial para o combate à corrupção no Brasil. Somente com riscos de penas reais para quem praticar tal delito será possível se evitar que recursos não contabilizados sejam utilizados por partidos e candidatos nas campanhas”, afirmou o presidente nacional da OAB, Marcus Vinicius Furtado Coêlho.

A campanha '90 Dias' da OAB vai até 9 de dezembro – Dia Internacional de Combate à Corrupção – e pode ser acompanhada por meio do site http://www.contracorrupcao.oab.org.br/.

Pela página 90 Dias Contra a Corrupção, os cidadãos também podem demonstrar seu apoio no combate a ilícitos. Basta clicar no botão “Eu Apoio” e compartilhar, pelo Facebook ou Twitter, com seus amigos, familiares e seguidores. A hashtag oficial da campanha é #90DiasContraCorrupção.

O site também disponibiliza na íntegra a proposta da campanha, em texto que explica em detalhes por que é importante o combate à corrupção e o movimento nacional em favor da criminalização do caixa 2. Também há um campo para dúvidas e mensagens para a OAB.


O Diário do Tocantins apoia a liberdade de opinião, mas é contra o uso de termos ofensivos. Os comentários listados abaixo estão sob responsabilidade de seus respectivos autores.

Diario dotocantins 240x240

diario to

ferpam 240x82

durax 240x72

pub diario folha da cidade 270 340

Todos os direitos reservados - Cidade Comunicação LTDA. Contato: falecom @ diariodotocantins.com.br.